Aos professores que lutam, amam, riem, choram e não desistem de defender essa profissão...

15/10/2016 14:41

 Imagem: pixabay

Por Rafaella Passos, geógrafa | 15 de outubro, aqui deixamos nossa homenagem fraterna a todos os professores que saem às ruas, gritam em nome de seus direitos e enfrentam os problemas sem medo e de cabeça erguida...

Deixamos nossa homenagem fraterna a todos os professores que desafiam governos, patrões e suas políticas injustas para com a Educação, sobretudo nestes tempos sombrios de Michel Temer e Mendonça Filho...

Deixamos nossa homenagem fraterna a todos os professores que não se curvam diante de chefes, chefetes e chefões e se impõem enquanto profissionais...

Deixamos nossa homenagem fraterna a todos os professores que, quando necessário, não se intimidam nem diante da polícia, seus cassetetes, balas de borracha, spray de pimenta e safanões...

Deixamos nossa homenagem fraterna a todos os professores que, embora impelidos à desmotivação, buscam fazer um trabalho de boa qualidade dentro das escolas...

Deixamos nossa homenagem fraterna a todos os professores que, mesmo sem incentivos, se esforçam para aprender mais, se atualizar criticamente e não ir para a sala de aula apenas para repetir o beabá do senso comum...

Deixamos nossa homenagem fraterna a todos os professores que, apesar do alto estresse do ofício, conseguem sorrir e contornar uma lndigesta situação...

Deixamos nossa homenagem fraterna a todos os professores vilipendiados, massacrados e mal interpretados que habitam nossas escolas em todo o país...

Deixamos enfim aqui nossa homenagem fraterna a todos os professores que lutam, amam, riem, choram e, mesmo quando pensam em desistir da profissão, não arredam um milímetro o pé de defendê-la com todo o vigor no dia a dia...

Beijos, queridos!

Voltar

Receba atualizações

Assine a nossa newsletter:

© 2015-2016 Todos os direitos reservados - Reprodução de arquivos apenas com citação da fonte e link para o site

midiapopular.net