Cassado na Comissão de Ética, Cunha reforça que Temer também cairá

15/06/2016 06:02

Pelo visto, Eduardo Cunha e Michel Temer cruzam a passos largos a 'ponte para futuro', quer dizer, para o abismo

Por Fabricio M Silveira, Brasília | Após ser rifado na Comisão de Ética da Câmara (11 votos a 9), o deputado Eduardo Cunha (PMDB) reforçou as ameaças de que se cair na votação definitiva do plenário entregará os "podres" de todo mundo e levará seu também colega peemedebista Michel Temer para o buraco. Cunha ficou super irritado com as 'traições' e disse que não cairá sozinho.

Embora soubesse que a votação de ontem (14.06) seria muito difícil, Eduardo Cunha contava que seria possível vencer, pois avaliou que Temer e seu governo golpista iriam apoiá-lo. Após o resultado, aliados do parlamentar declararam que o governo "lavou as mãos" e agiu sob pressão das ruas para ajudar a cortar a cabeça do peemedebista.

Ódio de Cunha contra Temer cresceu porque momentos depois da derrota na Câmara, o juiz Augusto César Pansini Gonçalves, da 6ª Vara Cível do Paraná, determinou o bloqueio dos bens do deputado e da família dele, por conta dos inúmeros escândalos em que ele está envolvido. 

O processo vai agora para votação no plenário da Câmara. Qualquer punição só poderá ser aprovada em definitivo com o voto de ao menos 257 dos 512 deputados. Por enquanto, Cunha está com o mandato suspenso e não pode participar de sessões na Casa. Pelo visto, Eduardo Cunha e Michel Temer cruzam a passos largos a 'ponte para futuro', quer dizer, para o abismo.

Voltar

Receba atualizações

Assine a nossa newsletter:

© 2015-2016 Todos os direitos reservados - Reprodução de arquivos apenas com citação da fonte e link para o site

midiapopular.net