Globo diz que ministro golpista da Educação também deve pedir para sair

18/06/2016 10:59

Da Redação

A capa do Globo deste sábado (18.06) estampa o ministro golpista da Educação Mendonça Filho (DEM-PE) como mais um investigado na Lava Jato. Segundo o jornalão dos marinhos,"Mendoncinha" teria recebido propina de R$ 100 mil da UTC Engenharia, que ele nega. A notícia também foi veiculada no Estado de S. Paulo.

O Globo destaca que o ministro deve pedir para sair e cita a promessa de Temer em relação a isso: "O presidente interino, Michel Temer, determinou que todo ministro que tiver envolvimento com irregularidades deve pedir demissão".

Caso a cabeça de "Mendoncinha" seja mesmo cortada, será o quarto ministro de Temer a ser demitido. Romero Jucá, do Planejamento, Fabiano Silveira, da Transparência, e Henrique Eduardo Alves, do Turism foram para a degola antes mesmo de o governo interino completar um mês de vida.

Segundo comentários picantes nos corredores de Brasília, "Mendoncinha" está muito apreensivo e solicitou apoio dos "educadores" Alexandre Frota (ator de filme pornô), e Marcelo Reis, do "Revoltados on-line". Os dois passaram a ter trânsito livre no MEC após a ascensão do democrata pernambucano ao ministério. 

Frota e Reis, contudo, teriam dito que primeiro vão aguardar o resultado das investigações, isto é, o que a Rede Globo decidir. A chapa esquentou para o "Mendoncinha".

Voltar

Receba atualizações

Assine a nossa newsletter:

© 2015-2016 Todos os direitos reservados - Reprodução de arquivos apenas com citação da fonte e link para o site

midiapopular.net