O quê? Juíza do Piauí recebeu mais de R$ 229 mil de remuneração em apenas um mês?

12/01/2016 15:17

Por Cecília Sampaio, Brasília / Imagem: pixabay

Segundo o site do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí, a juíza Maria das Neves Ramalho Barbosa Lima recebeu em dezembro de 2015 remuneração bruta de R$ 229.614,70. O líquido recebido pela magistrada foi de R$ 165.655,74.

Embora o portal do TJ não dê detalhes de como se chega a esses valores, é possível concluir que nessa mini mega da virada recebida pela Dra Maria das Neves esteja incluído o décimo terceiro salário, uma vez que o pagamento refere-se ao último mês do ano. Ainda assim, vê-se que a crise passa é longe dos magistrados do Piauí, considerado o Estado mais pobre da nação

Além dessa juíza, outros homens e mulheres das leis também receberam altíssimas remunerações apenas no mês de dezembro do ano passado no TJ-Pi. O juiz José Wagner Linhares, por exemplo, levou para casa R$ 184.480,19. Valor líquido recebido por ele somou R$ 127.094.93.

Já o juiz Carlos Augusto Nogueira, ganhou R$ 175.683,40. O valor líquido recebido somou R$ 111.361,35.
 
Há, no entanto, aqueles que ganharam mais pouco. A juíza Ana Lúcia Terto Madeira Medeiros teve direito somente a R$ 105.535,35. Líquido, R$ 56.424,82.
 
E existem até os discriminados: Alberto Franklin de Alencar Milfont, juiz, recebeu remuneração bruta de apenas R$ 68.217,06. Valor líquido recebido não passou de R$ 31.478,34.
 
Ao todo, o TJ-Pi gastou somente com pagamento de magistrados em dezembro de 2015 R$ 14,7 milhões. O total da folha salarial nesse órgão no último mês do ano foi de R$ 58,2 milhões.
 
Com informações de: jogandonacara.blogspot.com.br