Prisão de golpistas na Turquia deixa golpistas brasileiros muito assustados

16/07/2016 18:45

Por Fábio Meirelles, Brasília | O frustrado golpe de Estado na Turquia derrubado pelo povo repercute em todo o mundo e bastante no Brasil. Embora entre os turcos que tentaram tirar à força o presidente eleito nas urnas Recep Erdogan estivesse uma maioria de militares, as semelhanças entre o processo turco e o brasileilro são muitas. A principal e mais relevante delas é que os golpistas de lá, tal qual os golpistas daqui, não querem respeitar o resultado de eleições. Ou seja, desprezam a democracia.

Segundo um assessor parlamentar do Senado, o caso da turquia deixou Temer e os principais golpistas brasileiros de cabelo em pé. O medo é que o PT e seus aliados consigam usar o fato para mobilizar com mais força o povo para sair às ruas contra o golpe nacional, sobretudo agora, depois que o Ministério Público Federal arquivou o processo das chamadas "pedaladas fiscais" e enterrou a única tese dos que defendem a farsa do impeachment.

Os golpistas tupiniquins ficaram também assustadíssimos com a notícia de que o presidente Erdogan ordenou a prisão de milhares de golpistas de lá. "Não precisava isso", teria dito um assombrado Aécio Neves (PSDB).

É preciso que o PT e todas as forças anti golpe saibam explorar esse fato da Turquia para também derrubar Temer e todos os golpistas daqui. Apesar de não haver semelhança política entre Dilma e Erdogan, a reação do povo turco demonstra que não há golpe que resista às pressões do povo.

Voltar

Receba atualizações

Assine a nossa newsletter:

© 2015-2016 Todos os direitos reservados - Reprodução de arquivos apenas com citação da fonte e link para o site

midiapopular.net