Desastrada: Modelo tenta derrubar Dilma e derrota Escola de Samba que a prestigiou

Desastrada: Modelo tenta derrubar Dilma e derrota Escola de Samba que a prestigiou

09.02.2016  21:47 / Imagem: You Tube

Da Redação

Desastrada! Não há termo mais justo e adequado para qualificar Ju Isen, a modelo golpista sem qualquer juízo que, para tentar derrubar a presidenta Dilma, ficou pelada no desfile de carnaval em São Paulo. A atitude de Isen ajudou a levar a ótima Escola de Samba Unidos do Peruche a amargar um humilhante 12° lugar. Por muito pouco, a Peruche não sofreu um rebaixamento.

Ju Isen, como foi amplamente divulgado pela mídia nacional, deu um chilique ao ser proibida de desfilar com um tapa-sexo com a imagem da presidenta Dilma Roussef. Em represália, tirou a roupa em pleno andamento da apresentação, o que rendeu vários pontos negativos para a escola, em particular no quesito fantasia.

Dirigentes e simpatizantes da Peruche estão revoltados com a atitude inconsequente da modelo. "Não passa de uma irresponsável", desabafou uma foliã, inconformada com a ação de Ju Isen e o resultado da votação.

Isen, de acordo com dirigentes da Peruche, pode ser obrigada a pagar multa e ainda responder processo em virtude de sua desabilotada reação.

A atitude da modelo Ju Isen, na verdade, reflete apenas o baixíssimo nível dos que, na marra, tentam derrubar a presidenta Dilma Rousseff. Sem argumentos políticos sérios, apelam de forma tresloucada a baixarias como a que protagonizaram no desfile das escolas de samba em São Paulo. A Peruche e os foliões paulistas não mereciam um prêmio desses.

Receba atualizações

Assine a nossa newsletter:

© 2015-2016 Todos os direitos reservados - Reprodução de arquivos apenas com citação da fonte e link para o site

midiapopular.net